Minhas tattoos - e o que significam

quarta-feira, novembro 27, 2013 Aline 3 Comments

Marquinhas que doeram um pouquinho, mas que são bem gostosas de lembrar como e porque surgiram ali.

Minha primeira veio de Dublin, e tem vários significados. Vamos começar pelo histórico?


O trevo de 3 folhas é o símbolo da Irlanda e carrega uma história interessante. St. Patrick, patrono da Irlanda, usou o trevo shamrock para explicar o mistério da Santíssima Trindade, pelo fato de suas folhas serem divididas em três e presas a um único caule, assim como Deus é uma entidade com três Pessoas e convenceu os reis celtas a se converterem ao catolicismo - a partir daí, a Irlanda adotou o bonito trevinho como símbolo nacional. O país também acredita que trevos (não necessariamente o de 4 folhas) trazem sorte e a cor verde simboliza a 'Ilha Esmeralda', como é conhecida - já que chove e tem neblina praticamente o ano todo, fazendo assim com que a paisagem seja belissimamente verde. 

Tem também um significado muito importante a minha pessoinha: representou a realização do meu sonho - uma viagem internacional. Era para eu ter feito em Londres, mas Dublin me fez ter 'aquele feeling'. Simplesmente amei o local e foram 5 dias que deixaram um gostão de quero mais.






Minha segunda chegou no sábado passado (23/11) e nasceu em Piracity. Já tinha a ideia na mente, e ela saiu como eu queria: uma câmera fotográfica


Ela representa tudo aquilo que eu vejo e que queria congelar para viver para sempre - que é o que faço com as mil fotos que tiro de um lugar. Também diz muito sobre minha vontade de conhecer o mundo (o avião não refletiria muito, já que eu não gosto de voar :/), e com ela a cena óbvia: eu tirando mais fotos do que prestando a real atenção. E como não podia faltar, minha fissura por câmeras (vendi a minha para comprar uma nova - preciso aprender a mexer com lentes! Até lá, fico com o cel e as cybershots que foram emprestadas por tempo indeterminado haha). 


Sempre gostei de tirar fotos e odiava quando usava a câmera de alguém. A pessoa geralmente sempre a queria de volta no mesmo dia e demorava anos luz para passar as fotos. #alinepira





Pô Aline, por que não uma borboleta, uma estrela? Já que umas 10 pessoas perguntaram isso nos últimos dias, vou dar minha opinião - que como sempre, tem gente que não gosta. Pra marcar na pele, pra forever and ever, eu acho que é bom pensar em um símbolo que realmente tenha a ver com a vida e o momento, né? No meu caso, uma borboleta, flores e estrelas não combinariam nada. Foi a mesma coisa que ambos os tatuadores comentaram. NADA CONTRA quem tem estrelinhas e florzinhas, mas como falei, não tem nada a ver comigo.


Se você pretende fazer, pense em algo que realmente tenha sentido em sua vida, pra daqui 20 anos olhar e lembrar o motivo que o fez desenhar aquela coisinha - que até lá estará toda desconfigurada. E, será que ainda terá o mesmo peso em sua vida? Essa é minha dica :)




Se alguém quiser saber como escolhi os locais (pensando não só no nome, mas cuidados higiênicos e tal) e endereços, só perguntar. O post já tá grande demais pra tanta info, as usual!


3 comentários:

  1. Preciso dizer que adorei o trevinho? Hehe
    As duas são fofas

    ResponderExcluir
  2. Aline, adorei o post e suas tattoos! Sabia que estou LOUCA pra fazer uma tatuagem? Vou começar com uma frase no antebraço, mas estou com muita vontade de tatuar meus ombros, e também fechar um braço todo! Isso é um sonho, só não começo agora porque não tenho dinheiro suficiente, e também porque não sei ainda a carreira que seguirei, tenho medo de sofrer preconceito pra arrumar emprego, porque realmente quero ter o braço todo colorido de tattoos, rs.

    beijos!

    ResponderExcluir
  3. Meninas,
    Tive que trocar o template que tava usando pq ele não colaborava com a qualidade das fotos... e nesse, não consigo respondê-las! Mas respondo aqui embaixo :)

    Paula, nem precisa dizer... Irlanda feelings, né? Aquele lugar é simplesmente mágico!

    Marcela, eu sempre quis, mas ficava com receio de me arrepender - pelo fato de enjoar. Levei mor tempão pensando, pensando... aí fiz no pulso, e o relógio cobre! hehe
    O povo do meu trabalho percebeu meses depois! Eu adoraria tatuar tudo também, mas é o mesmo caso seu!

    Beijos!

    ResponderExcluir